05/12/2018

O QUE É ORTOPEDIA PEDIÁTRICA?

A Ortopedia Pediátrica é hoje uma subespecialidade bem definida dentro da Ortopedia, com sociedade própria, a Sociedade Brasileira de Ortopedia Pediátrica.

Conta com profissionais que se dedicam exclusivamente ao tratamento das patologias ortopédicas das crianças e adolescentes.

Na infância, os ossos e músculos estão em contínuo crescimento e desenvolvimento e, portanto, os problemas ortopédicos são diferentes aos dos adultos.

Então, a necessidade e uma especialização dentro da Ortopedia geral orientada para o tratamento dos problemas específicos das crianças e adolescentes em desenvolvimento.

Lembre-se: crianças não são adultos pequenos.

QUAL IDADE A ORTOPEDIA PEDIÁTRICA ATENDE?

 

Do nascimento até aos 18 anos de idade.

Entre os principais problemas relacionados ao sistema músculo-esquelético das crianças e adolescentes tratados pelo Ortopedista Pediátrico, podemos citar:

  • Deformidades nos pés: Pé torto congênito, pé plano, pé cavo, etc.
  • Deformidades nos quadris: Luxação congênita do quadril, Doença de Legg-Perthes, etc.
  • Deformidades angulares: Joelho valgo (em X) ou varo (arqueado)
  • Deformidades rotacionais: Joelhos para dentro.
  • Deformidades da coluna: Escoliose, cifose, etc.
  • Doenças Neuromusculares: Paralisia Cerebral, mielomeningocele, etc.
  • Infecções ósseas e articulares.
  • Tumores ósseos.
  • Fraturas e Lesões musculares.

MEDIANTE QUAIS SINAIS OU SINTOMAS UMA MÃE DEVE PROCURAR UM ORTOPEDISTA PEDIÁTRICO?

 

Crianças em tenra idade podem apresentar algumas características ortopédicas distintas.

Pé chato, andar na ponta dos pés, ter os pés virados para dentro ou para fora, pronação ou supinação da pisada, distorções das pernas como joelho em valgo ou varo…

Todas essas e muitas outras condições, que nem sempre indicam problemas ortopédicos da infância, devem ser avaliados por um ortopedista infantil.

Seu ortopedista pediátrico será capaz de avaliar cada caso.

Além disto, deve-se procurar um ortopedista pediátrico em caso de lesões traumáticas e sinais de infecções ortopédicas.

 

POR Dr. Diogo H. B. Kussakawa Ortopedia
CRM: 020894 | RQE: 15514